Segundo um estudo divulgado pela Forbes em 2021, o trabalho remoto durante a pandemia afetou consideravelmente o limiar entre vida pessoal e profissional. Como resultado, fatores importantes como estresse e produtividade foram diretamente prejudicados pela dificuldade em separar essas áreas.

De acordo com a pesquisa, 70% dos profissionais em home office continuam acessando as plataformas da empresa mesmo após o expediente. Nesse sentido, o maior vilão na hora de se desligar do trabalho costuma ser também o mais sutil. Afinal, muitos não associam o ato de verificar e-mails com frequência a um fator relevante no aumento dos níveis de estresse. Sobretudo após encerrar o horário comercial.

Certamente, é compreensível que a notificação de um novo e-mail deixe o profissional apreensivo para checar sua caixa de entrada. Especialmente se a mensagem foi enviada por um superior. Assim, surge um reflexo automático de mostrar disponibilidade e eficiência. Contudo, respeitar os momentos de descanso é fundamental para dar à mente o espaço necessário para se recuperar e voltar a ser criativa.

Estresse e produtividade: gerenciando seu tempo

Uma maneira saudável de se manter produtivo e driblar o estresse é elaborando um bom planejamento de gestão de tempo. Assim, as tarefas são cumpridas de forma ágil e precisa, restando mais momentos para relaxar. Entretanto, alguns passos são indispensáveis na hora de construir esse “mapa”. Confira:

Defina metas

Ter objetivos claros é essencial para manter a motivação em alta. Isso porque a perspectiva de uma meta a ser atingida aumenta o foco, o empenho e, consequentemente, o rendimento.

Defina prazos

Utilize o tempo com inteligência. Primeiro, classificando as tarefas por prioridade. Depois, definindo um tempo para cada uma. A dica é sempre estabelecer os prazos com margem de segurança para ter tempo extra em caso de imprevistos.

Saiba dizer “não”

Ser um profissional multitarefa é uma habilidade notável, mas urge especificar limites para que não haja sobrecarga. Afinal, ela afeta diretamente os níveis de estresse e produtividade, além de ser fator determinante para quadros de burnout.

Concentre-se no que realmente importa

Qualquer tarefa, para ser adequadamente cumprida, exige concentração. Porém, não é fácil fugir de todas as notificações, ligações e outros estímulos externos. Logo, recursos como o Modo Foco presente no iPhone são ótimos aliados na hora de priorizar o que mais importa.

Faça pausas

São muitos os estudos que comprovam a eficácia das pausas para aumentar a produtividade –  e o que não falta são métodos para organizá-las estrategicamente. Por exemplo, a técnica Pomodoro e o chamado “Timeboxing”. Aliás, esses são modelos ideais para programar os intervalos e recuperar a criatividade e a disposição.

Além disso, ao incluir a visualização de e-mails no planejamento da gestão de tempo, o profissional não fica em estado constante de alerta. Assim, consegue descansar com a sensação de dever cumprido, voltando renovado ao trabalho e, consequentemente, oferecendo maior rendimento. Ademais, manter estresse e produtividade em equilíbrio significa preservar a qualidade de vida dentro e fora da empresa.

Se você curtiu esse conteúdo, continue de olho no nosso blog! Aqui você sempre encontra dicas para relaxar o corpo e a mente e ser ainda mais produtivo!