Frequentemente, o universo cinematográfico baseia suas produções em histórias e acontecimentos reais. Tanto que aqui no blog já compartilhamos algumas dicas dentro desse gênero para assistir em sua Apple TV. Porém, com os lançamentos da Apple, cada vez mais a gigante de Cupertino tem permitido trilhar o caminho inverso. Afinal, com o modo Cinema do iPhone 13, nem os registros mais simples do cotidiano serão enquadrados como “vídeos caseiros”.

Como se sabe, diversos modelos de iPhone já foram utilizados em gravações de videoclipes de artistas, curta-metragens e séries experimentais. Contudo, com os novos recursos do iPhone 13, qualquer pessoa consegue registrar momentos com qualidade de cinema. Mesmo sem ser um cineasta ou profissional ligado ao audiovisual. Pois, com o uso da técnica rack focus, é possível obter efeito de profundidade e alterações de foco automáticas. Mas, para também garantir controle criativo, o foco pode ser alterado durante e após a gravação.

Além disso, os usuários podem ainda ajustar a intensidade do efeito bokeh no app Fotos e no iMovie para iOS. Assim como, em breve, no macOS e no Final Cut Pro. Assim: a linha de produtos tem os únicos aparelhos capazes de editar o efeito de profundidade de campo em vídeos depois de serem gravados. Para completar, usando o chip A15 Bionic e algoritmos avançados de aprendizado de máquina, o modo Cinema grava em HDR Dolby Vision. Tanto no iPhone 13 Pro e iPhone 13 Pro Max quanto no iPhone 13 e iPhone 13 mini.

Fluxo profissional completo para acompanhar o modo Cinema

Além do modo Cinema, o iPhone 13 Pro e o iPhone 13 Pro Max contam ainda com o ProRes. Ou seja, um codec de vídeo avançado muito usado como formato final de envio de comerciais e longas-metragens. Assim como em transmissões com mais fidelidade de cores e menos compressão. Aliás, esse novo fluxo profissional poderoso usa uma combinação única que envolve não apenas o novo hardware das câmeras. Mas também os codificadores e decodificadores de vídeo avançados do A15 Bionic e um pipeline de armazenamento flash. Diante disso, o iPhone é o único smartphone do mundo que oferece um fluxo de trabalho completo. Uma vez que permite gravar, editar e compartilhar conteúdo em Dolby Vision ou ProRes.

Câmeras ainda melhores e mais profissionais

Os modelos do iPhone 13 contam com novos sensores e lentes nas câmeras traseiras. Aliás, seus recursos são otimizados para trabalhar com o iOS 15 usando o novo processador de imagem do chip A15 Bionic. Dessa forma, a linha de produtos reduz ainda mais o ruído e melhora o mapeamento de tons. Consequentemente, trazem o melhor sistema de câmera do iPhone até hoje.

Com os Estilos Fotográficos, os usuários podem importar preferências pessoais para todas as fotos. Bem como aproveitar o processamento de imagem em vários quadros da Apple. Enquanto isso, os pré-ajustes e as preferências de personalização trabalham em diversos cenários e pessoas. Aliás, ao contrário de um filtro simples, aplicam os ajustes certos de forma inteligente em cada parte da foto. Especialmente para preservar elementos importantes, como tons de pele.

iPhone 13 e iPhone 13 mini: câmera dupla mais avançada

O iPhone 13 e o iPhone 13 mini representam uma revolução no design de câmeras, visto que trazem importantes avanços. Não somente em hardware, mas também na fotografia computacional para produzir fotos e vídeos incríveis. Assim, a nova câmera grande-angular, com 1,7 µm pixels, vem com o maior sensor já usado no sistema de câmera dupla do iPhone até hoje. Logo, captura 47% mais luz para diminuir o ruído e aumentar o brilho.

O sistema de câmera dupla e o poder da fotografia computacional são compatíveis com HDR Inteligente 4. Dessa forma, trazem o modo Noite aperfeiçoado, melhora cores, contraste e iluminação para cada pessoa de uma foto em grupo. Mesmo em condições desafiadoras, deixando as imagens mais realistas. Além disso, a câmera TrueDepth é compatível com todos os recursos novos de câmera. Como modo Cinema, Estilos Fotográficos, HDR Inteligente 4 e muito mais.

Estabilização óptica em todos os produtos da linha

A estabilização óptica de imagem por deslocamento de sensor, uma tecnologia exclusiva apresentada no iPhone 12 Pro Max, também vem para a câmera grande-angular, até mesmo do iPhone 13 mini mais compacto. Ela firma o sensor, em vez da lente, para dar mais estabilidade às imagens, enquanto a câmera ultra-angular exclusiva com um novo sensor captura mais detalhes nas áreas escuras das fotos e vídeos com menos ruído.

iPhone 13 Pro e iPhone 13 Pro Max: mais Pro do que nunca!

A nova câmera grande-angular tem um sensor mais amplo com pixels de 1,9 µm, o maior em um iPhone. Assim, é capaz de reduzir o ruído e aumentar a velocidade do obturador em diversas condições de iluminação. Como resultado, produz fotos ainda mais ricas em detalhes. Junto com a abertura ƒ/1.5 maior, a câmera grande-angular do iPhone 13 Pro e do iPhone 13 Pro Max tem desempenho ainda melhor em ambientes com pouca luz. Por exemplo: até 2,2 vezes superior quando comparada com a do iPhone 12 Pro. Assim como cerca de 1,5 vez superior quando comparada com a do iPhone 12 Pro Max.

Pela primeira vez, o modo Noite chega a todas as câmeras do iPhone 13 Pro e do iPhone 13 Pro Max. Inclusive a teleobjetiva. Assim como no iPhone 13 e no iPhone 13 mini, o HDR Inteligente 4 garante cores, contraste e iluminação melhores para todas as pessoas. Mesmo nas fotos em grupo ou em situações desafiadoras de iluminação, resultando em imagens mais realistas. Como se não bastasse, o iPhone 13 Pro e o iPhone 13 Pro Max também oferecem recursos populares. Como Deep Fusion, Apple ProRAW e modo Retrato com Iluminação de Retrato.

Depois de saber todas essas novidades, que tal conferir a magia do modo Cinema ao vivo, com seus próprios olhos? Então se prepare, pois o novo iPhone 13 entra em pré-venda no dia 15 de outubro na iPlace!

Foto: Apple/Divulgação