Metas de Ano Novo: dicas de apps para cumprir todas

O que você prometeu para si mesmo em 2018: organizar trabalho e finanças? Fazer economia? Perder peso ou levar uma vida mais fitness? Seja lá o que for, neste post vamos te dar dicas de aplicativos que ajudarão a manter o foco, traçar estratégias e alcançar as metas de Ano Novo. Vamos lá.

Nossa primeira sugestão é o Tysdo, app brasileiro que é um dos mais abrangentes desta lista, pois ajuda a se organizar para realizar todos os desejos do ano, divididos em categorias como saúde, viagem, aventura, beleza e outras.

O Tysdo (cujo nome vem sugestivamente das iniciais de “things you should do”, ou “coisas que você deveria fazer”) socializa a “wish list” de Ano Novo, já que leva o usuário a listar seus desejos e compartilhá-los com outros no próprio aplicativo. Quem quiser também pode compartilhar no Facebook.

  A partir disso, cria-se uma rede de incentivos mútuos e de celebração dos objetivos alcançados que é o mote do encorajamento promovido pelo app.  

O Tysdo já agradou a tantas pessoas desde seu lançamento, em 2013, que recebeu prêmios e reconhecimentos como o Best of 2014 by Apple. Pudera: naquele ano, o aplicativo já contava com mais de 170 mil usuários cadastrados, que haviam inserido no app mais de 700 mil desejos e metas. Testado e aprovado.

Mas se o seu objetivo para 2018 é levar uma vida mais regrada, a dica é o Planner Plus.

Com o aplicativo, é possível criar e organizar notas e tarefas rotineiras, com a opção de alerta sonoro ou não. Caso o usuário tenha os compromissos anotados em uma agenda ou calendário digital, o aplicativo também importa de lá.

Também dá para configurar os eventos por grau de prioridade e adicionar informações detalhadas, como, por exemplo, a maneira como uma tarefa será cumprida.

A ideia é contar com um secretário digital que o lembrará de todos os eventos e afazeres, sem deixar espaço para esquecimento.

Organização também é o tema da nossa próxima dica, mas desta vez o foco é essencialmente financeiro. Trata-se do GuiaBolso, aplicativo que já conta com mais de 3,5 milhões de usuários que o utilizam para analisar gastos de forma automática.

Para fazer isso, o app coleta os dados diretamente das contas bancárias dos usuários, via Internet Banking, e tudo o que eles gastam é devidamente segmentado pelo GuiaBolso, em categorias definidas no app.

 A partir disso, fica mais fácil visualizar para onde o dinheiro está indo e que áreas estão recebendo investimento de mais ou de menos.

Além disso, há gráficos para facilitar a visualização e até um ranking que classifica os usuários de acordo com seu perfil financeiro.

Caso você tenha alguma dúvida sobre a utilidade do GuiaBolso e os 3,5 milhões de adeptos não sejam suficientes para dirimi-la, saiba que há pouco o aplicativo voltou a chamar a atenção do mercado, recebendo R$ 125 milhões em aportes do fundo sueco Vostok Emerging Finance. Com isso, a empresa responsável pelo app já declarou que irá aumentar os recursos da plataforma, lançando produtos como cartões de crédito e produtos de investimento. Há novidades vindo por aí.

E quem fez planos de um 2018 light e fitness? Tem dica também. Vamos começar com o MyFitnessPal, que é um contador de calorias unido a uma poderosa lista de dicas de nutrição de acordo com o perfil do usuário.

Outro app sugerido é o LogYourRun, que é voltado aos adeptos da corrida, bicicleta, natação e caminhada.

Ele ajuda a gerenciar o tempo gasto na semana para praticar cada exercício cadastrado e traz gráficos de desempenho, além de dicas de rotas e outros quesitos aliados à prática de cada usuário.

Finalizando, vamos a um app bem abrangente: o StickK, que ajuda a cumprir metas relacionadas a estilo de vida. O aplicativo fornece, ao longo do ano, lembretes sobre as promessas feitas na virada do ano e estabelece “multas” por cada promessa não cumprida. Para quem é radical, a dica é essa.

There are currently no comments.